Força-tarefa reduz número de focos de incêndios no Pantanal

Pantanal incêndio junho de 2024 Misto Brasil
Incêndio atingem grandes áreas do bioma do Pantanal/Arquivo/Reproduçào X

Há 830 profissionais envolvidos, 15 aeronaves, 15 embarcações e três bases em operação: em Corumbá, Poconé e Porto Conceição

Por Misto Brasil – DF

As ações de combate da força-tarefa conseguiram extinguir o número de focos de incêndios – de 30 dos 54 incêndios registrados até 7 de julho (55% do total) no Pantanal. Dos 24 ainda ativos, 13 estão controlados, ou seja, o fogo está cercado por uma linha de controle.

Neste momento há 830 profissionais envolvidos, 15 aeronaves, 15 embarcações e três bases em operação: em Corumbá, Poconé e Porto Conceição.

A informação é da ministra do Meio Ambiente e Mudança do Clima, Marina Silva, após uma conversa hoje (10) no Palácio do Planalto.

Entre maio e junho, todos os incêndios no bioma foram causados por ação humana. Não há registro de incêndios causados por raios. O uso do fogo no Pantanal está proibido e é crime, com pena de dois a quatro anos de prisão.

“Todas essas bases recebem ações planejadas dos brigadistas do Ibama e do ICMBio, com ajuda de Marinha, Exército e Aeronáutica. Já temos cerca de 395 horas de voo nessa operação. Um esforço muito grande em relação aos locais, que são de difícil acesso, mas que tem ajudado nossas equipes a ganharem velocidade e efetividade”.

 

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas