Alta nos índices de preços, do produtor, consumidor e de construção

Construção civil Riacho Fundo DF
A indústria da construção é um setor que emprega muitas pessoas/Arquivo

No grupo de Bens Intermediários, a taxa acelerou de 0,71% em abril para um notável aumento de 0,91%, em maio

Por Misto Brasil – DF

Índice Geral de Preços – 10 (IGP-10) subiu 1,08% em maio. No mês anterior, a taxa havia sido -0,33%. Com esse resultado, o índice acumula alta de 0,34% no ano e queda de 1,27% em 12 meses. Em maio de 2023, o índice caíra 1,53% no mês e acumulava queda de 3,49% em 12 meses.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) observou uma alta de 1,34%, invertendo o comportamento quando comparado à taxa registrada no mês anterior, de -0,56%.

No grupo de Bens Intermediários, a taxa acelerou de 0,71% em abril para um notável aumento de 0,91%, em maio, segundo informou a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Esta alta foi primordialmente impulsionada pela recuperação nos preços do subgrupo de materiais e componentes para a construção, que viu sua taxa passar de uma queda de 0,21% para um crescimento de 0,85%.

Índice de Preços ao Consumidor (IPC) subiu 0,39% em maio. Em abril, o índice variara 0,21%.

Quatro das oito classes de despesa componentes do índice registraram acréscimo em suas taxas de variação: Educação, Leitura e Recreação (-1,72% para -0,51%), Transportes (0,19% para 0,64%), Saúde e Cuidados Pessoais (0,49% para 0,78%) e Comunicação (-0,21% para 0,57%).

Em contrapartida, os grupos Habitação (0,54% para 0,26%), Alimentação (0,73% para 0,53%), Vestuário (0,05% para -0,02%) e Despesas Diversas (0,19% para 0,16%) apresentaram decréscimo em suas taxas de variação.

Nestas classes de despesa, as maiores influências partiram dos seguintes itens: aluguel residencial (2,07% para 1,19%), frutas (3,61% para 0,98%), calçados (0,07% para -0,35%) e serviços bancários (0,34% para 0,04%).

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) registrou uma variação de 0,53%, mostrando um aumento em relação à taxa de 0,33% observada no mês anterior. Analisando os componentes do INCC, observamos movimentações iguais entre os grupos.

Materiais e Equipamentos apresentaram nova alta, passando de crescimento de 0,19% em abril para 0,24% em maio.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas