Ouro tende a se valorizar, com leve alta também do dólar

Ouro bruto Brasil
Quase um terço do outro produzido no Brasil vem de áreas ilegais/Arquivo/Newgreenfil

Mercado financeira inicia a semana sem muitos sobressaltos e com uma forte alta do Ibovespa, com ganho de dois mil pontos

Por Misto Brasil – DF

O dólar teve leve alta de 0,05%, sendo cotado a R$ 5,067. O ouro se manteve estável com poucas variações ao decorrer do dia, com perdas no pré-mercado americano e de ganhos para as bolsas asiáticas e europeias.

O ouro tende a se valorizar com essa volatilidade do mercado no geral, fazendo a commodities continuar com leves altas durante a semana.

Nesta segunda-feira (08), o Ibovespa conseguiu uma forte alta de 1,63%, aos 128.857 pontos, um ganho superior a 2 mil pontos, fazendo o mês de abril virar para positivo, com 0,59%.

Essa segunda semana de abril também será marcada por dados de inflação nos Estados Unidos, China e Brasil, além da ata do FOMC e da decisão de juros na Europa. O principal indicador econômico da semana será divulgado nesta quarta-feira (10).

O gestor de Negócios da Ourominas, Sandro Francioli, disse que índice de preços ao consumidor ganhou ainda mais relevância após uma reviravolta nas apostas de cortes de juros nos EUA, com dados de empregos mais fortes do que o esperado na última sexta-feira.

Por aqui, a agenda tem como destaque a divulgação, na quarta-feira, do IPCA com projeção do Bradesco de alta de 0,25% na comparação mensal. Ao longo da semana, o dólar estará volátil, mas com uma forte tendência de correção na taxa, se aproximando mais dos R$ 5.

“Nessa semana, o mercado fica atento, aguardando os dados de inflação no Brasil e do CPI dos EUA, na quarta-feira”, comentou o economista Fábio Louzada ao Infomoney.

“Após dados do payroll acima do esperado e ainda mostrando um aquecimento da economia norte-americana, as apostas no CME estão mais divididas em relação a quando teremos uma queda de juros nos EUA. E o CPI é um dado importante que pode trazer indicativos em relação a essa queda de juros, se deve acontecer em junho, como já previsto antes, ou na reunião seguinte”.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas