Consumo de bebida alcoólica foi uma das principais ocorrências na Operação Verão

Resgate indonésio Marinha do Brasil Misto Brasil
Indonésio desembarca do helicóptero para receber os primeiros atendimentos na fraga/Arquivo/Divulgação/Marinha do Brasil

As ações foram realizadas pela Marinha do Brasil e mobilizou todas as organizações espalhadas pelo Brasil durante três meses

Por Misto Brasil – DF

A Marinha do Brasil encerrou a Operação Verão após três meses de ações em todo o Brasil. Participaram as 69 capitanias, delegacias e agências.

A área de atuação incluiu hidrovias interiores, rios, lagos, canais, lagoas, baías, angras, enseadas e áreas marítimas consideradas abrigadas.

A assessoria da Força informou hoje (01), que foram inspecionadas 133.784 embarcações. Foram registrados 79 acidentes com vítimas e instaurados 197 inquéritos administrativos. Veja quadro abaixo.

As infrações mais encontradas durante as ações de fiscalização foram a falta de habilitação dos condutores, documentação da embarcação incompleta ou vencida, falta de material de salvatagem (coletes, boias, extintores de incêndio entre outros), desrespeito ao limite de lotação da embarcação, consumo de bebida alcoólica durante a condução e condições de navegabilidade das embarcações ruins.

“Diariamente, as embarcações foram abordadas com o intuito de verificar se cumpriam os requisitos técnicos estabelecidos nas Normas da Autoridade Marítima (Normam), no que se refere aos equipamentos e materiais obrigatórios, documentação e habilitação dos seus tripulantes”, disse o contra-almirante Pedro Augusto Bittencourt Heine Filho.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas