Ajuda humanitária na Faixa de Gaza chega pelo ar também da Alemanha

Faixa de Gaza ajuda humanitária aérea Alemanha Misto Brasil
Força aérea da Alemanha lança caixas com alimentos sobre Gaza/Reprodução vídeo Luftwaffe

As quase 200 toneladas de mantimentos foram transportadas numa barcaça rebocada pelo navio da Open Arms, que partiu do Chipre

Por Misto Brasil – DF

A Alemanha começou neste sábado (16) a lançar por via aérea ajuda ao norte de Gaza, três dias após o ministro da Defesa, Boris Pistorius, ter autorizado a medida para aliviar a crise humanitária no enclave palestino.

Um avião Hércules C130 lançou, de uma altura de cerca de mil metros, quatro toneladas de alimentos sobre Gaza, informou a Força Aérea alemã na rede social X.

Os lançamentos foram realizados após o Hércules, que pode transportar até 18 toneladas de carga, decolar da Jordânia.

A primeira entrega de ajuda humanitária da força aérea alemã, através da ponte aérea promovida pela Jordânia, ocorreu poucas horas depois de o chanceler federal alemão, Olaf Scholz, ter partido para o país para se reunir com o rei jordaniano Abdullah 2°.

Os dois líderes devem discutir a situação na Faixa de Gaza e no Oriente Médio. No domingo, o chanceler alemão viajará também para Israel, onde vai se reunir com o primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu, e com o presidente israelense, Isaac Herzog.

Enquanto isso, a primeira leva de ajuda humanitária à Faixa de Gaza desde o acirramento do conflito entre o grupo palestino Hamas e Israel, em 7 de outubro, já está em terra e sendo preparada a ser distribuída à população

A informação é deste sábado (16) da ONG espanhola Open Arms, que organizou o transporte.

Em comunicado à agência de notícias AFP, a ONG World Central Kitchen (WCK), responsável pela distribuição, confirmou a informação, sem especificar quando e onde a operação transcorrerá.

As quase 200 toneladas de mantimentos foram transportadas numa barcaça rebocada pelo navio da Open Arms, que partiu terça-feira do porto de Larnaca, no Chipre.

A embarcação aportou num cais temporário em Gaza, e seu conteúdo foi descarregado para 12 caminhões.

O Exército israelense declarou nesta sexta-feira ter submetido o navio a uma “verificação de segurança completa”, além de enviar tropas para “proteger” a área da descarga, na costa sudoeste da Cidade de Gaza.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas