Número de mortes associadas a dengue no DF ultrapassou a uma centena

Agente de saúde combate à dengue Misto Brasília
Agente de saúde percorre as ruas para evitar a proloferação da dengue/Arquivo

Somente no mês de fevereiro, o Hospital Regional de Santa Maria notificou um total de 948 casos suspeitos para a dengue

Por Misto Brasil – DF

O número de mortes associadas à dengue ultrapassou a uma centena deste o início de janeiro deste ano até ontem (10). De acordo com o boletim epidemiológico do Ministério da Saúde divulgado nesta segunda-feira (11), foram registrados 109 óbitos.

O número de casos confirmados chega a 140.480 e há ainda 52 mortes em análise pelas autoridades sanitárias,

Um desses óbitos que estão sendo investigados, é do jornalista Paulo Pestana, que faleceu na madrugada de hoje após ser internado num hospital da cidade com sintomas da doença.

O jornalista que foi assessor direto do governador Ibaneis Rocha (MDB), será velado a partir das 10 horas desta terça-feira (12), na Capela 1 do cemitério que fica na fina da Asa Sul. O seu corpo será cremado à tarde em Valparaíso de Goiás.

Somente no mês de fevereiro, o Hospital Regional de Santa Maria notificou um total de 948 casos suspeitos para a dengue.

O número é bem maior que registrado em janeiro, quando foram notificados 596 casos suspeitos da doença. Os dados são do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan) e compilados mensalmente pela Vigilância Epidemiológica do hospital.

Do total de notificações, a grande maioria foi oriunda dos prontos-socorros, sendo 428 do PS infantil, 289 do PS adulto e 64 do PS obstétrico. Além de notificações em outros setores de internação como, Clínica Médica, Pediatria, Maternidade e Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto.

Segundo o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Saúde (SES-DF), nas semanas epidemiológicas de início de 01 a 08 de 2024, foram notificados 9.046 casos de provável dengue somente na região sul do Distrito Federal, dos quais, 3.565 são de residentes do Gama e 5.481 são moradores de Santa Maria.

Neste mesmo período, em 2024, houve a confirmação de 171 casos de dengue com sinais de alarme e 20 casos de dengue grave.  Destes, dois óbitos foram confirmados, sendo um em Santa Maria e um no Gama e mais nove investigações na região.

Comparado com as mesmas semanas de 2023, houve aumento no número de casos de 8.885,2% em Santa Maria e de 3.465% no Gama. Na Região Sul houve aumento de 5.518,6%.20%. E no caso de suspeita de dengue é necessário procurar uma unidade de saúde e evitar a automedicação”, conclui.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas