Bitcoin saiu do marasmo e renovou a máxima histórica

Criptomoedas bitcoin Misto Brasília
As criptomoedas se tornaram um importante mercado de investimento/Arquivo

O mercado está otimista com as negociações dos traders de opções de compra de Bitcoin. Para abril também há otimismo

Por Misto Brasil – DF

O Bitcoin saiu do marasmo e renovou a máxima histórica no início da tarde desta sexta-feira (08), puxado pelo movimento no mercado de opções e pelos constantes fluxos nos ETFs (fundos de índice) spot da cripto nos Estados Unidos.

Por volta das 12h30, a maior criptomoeda do mercado encostou em US$ 70.050, segundo o agregador CoinMarketCap, o maior patamar registrado em toda história. O preço mais alto então, de US$ 69.190, havia sido alcançado na terça-feira (5). Às 13h, a cripto registrou leve recuo para US$ 67.220.

Leia – Preço da criptomoeda atingiu R$ 337,52 mil e está próximo da máxima histórica

“Depois de um dia com quase 15% de volatilidade entre a máxima e a mínima, como aconteceu no dia 5, o preço do Bitcoin tende a passar vários dias operando dentro dessa volatidade”, disse Fernando Pereira, analista da corretora Bitget.

O mercado está otimista com as negociações dos traders de opções de compra de Bitcoin – as opções são títulos que dão aos investidores o direito de comprar o ativo subjacente a um preço definido numa data posterior, de acordo com informações do Infomoney.

Previso para abril, o halving do Bitcoin, evento que corta pela metade a emissão da criptomoeda, também é apontado por analistas como um catalisador de alta para a moeda digital.

 

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas