Turistas estrangeiros injetaram quase R$ 4 bilhões na economia em janeiro

Catedral Metropolitana de Brasília Misto Brasília
Os feriadões ajudam as atividades de serviço, como o turismo/Arquivo/Luís Tajes/Setur

Cerca de 1 milhão de turistas estrangeiros escolheram o Brasil como destino de férias no verão, segundo o Ministério do Turismo

Por Misto Brasil – DF

Os turistas estrangeiros que visitaram o Brasil injetaram cerca de US$ 801 milhões (quase R$ 4 bilhões) na economia do país em janeiro, de acordo com dados divulgados pelo Banco Central do Brasil e compilados pelo Ministério do Turismo nesta quarta-feira (6).

O valor, segundo o ministério, é um incremento recorde na economia nacional para o mês de janeiro nos últimos dez anos e 13,9% maior que o de 2019, ano pré-pandemia, quando os visitantes internacionais deixaram no país US$ 703 milhões (cerca de R$ 3,4 bilhões).

Ao todo, cerca de 1 milhão de turistas estrangeiros escolheram o Brasil como destino de férias no verão.

O ministro do Turismo, Celso Sabino, declarou em nota que a projeção é de crescimento do turismo ao longo de 2024, devido a eventos de grande porte, como o G20, e aos preparativos para a 30ª Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP30), que será sediada na cidade de Belém, no Pará, em novembro de 2025.

A OMT é a agência da Organização das Nações Unidas (ONU) responsável pela promoção do turismo de forma sustentável, responsável e acessível. O Rio foi escolhido para sediar a nova representação da OMT em outubro de 2023, quando a cidade teve o quinto maior crescimento do PIB de turismo no mundo.

Segundo a Embratur, o país voltou ao patamar pré-pandemia no que se refere à quantidade de viagens ofertadas por companhias do setor, tendo sido 64,8 mil operações tanto em 2019 quanto no ano passado.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas