Rita Hayworth em Brasília

atriz Rita Hayworth esteve em Brasília Misto Brasil
Atriz Rita Hayworth esteve em Brasília nos primeiros anos da capital/Arquivo

A vinda da atriz de Hollywood fazia parte de um esforço federal em trazer pessoas de renome internacional para que Brasília

Por Sérgio Botelho – DF

A atriz Rita Hayworth, nascida Margarita Carmen Cansino em 1918, filha de um dançarino cigano, foi uma das figuras mais famosas e inesquecíveis da era de ouro de Hollywood, com maior destaque para a década de 1940.

Com sua beleza arrebatadora, talento para a dança e habilidades de atuação, Hayworth se elevou além de seu papel como atriz para se tornar um verdadeiro ícone cultural. Veja os outros artigos da série logo abaixo.

Conhecida como “A Deusa do Amor” nas telas, sua presença carismática e performances magnéticas a tornaram uma das estrelas mais admiradas e amadas do cinema mundial.

Seus papéis em clássicos como “Gilda” (1946), onde seu striptease de luvas se tornou uma cena lendária, e “A Dama de Shanghai” (1947), dirigido por seu então marido Orson Welles, demonstram sua versatilidade como atriz e sua capacidade de capturar a atenção do público.

Não no auge de sua fama internacional, porém em 1962, já em torno dos 44 anos, mas ainda gozando de muito prestígio, ela chegou ao Rio de Janeiro às vésperas do Carnaval daquele ano, com destino a Brasília, onde participaria do carnaval local.

Quem providenciou a vinda da atriz norte-americana à nova capital do país foi o então prefeito do DF, Sette Câmara, que já havia governado o antigo Distrito Federal.

Rita chegou a Brasília em 1 de março de 1962 (o carnaval daquele ano foi de 3 a 6 de março), acompanhada do proprietário do Copacabana Palace, Jorge Guinle, com quem havia engatado um namoro básico, desde o Rio, e do representante do cinema americano no Brasil, Harry Stone.

“O lugar escolhido foi o Teatro Nacional, cujas obras estavam paralisadas. Athos Bulcão fez a decoração e a prefeitura pagou a vinda da estrela de Hollywood”, diz o perfil História de Brasília, no Facebook.

Segundo a mesma fonte, entre os moradores da capital federal na mesa de Hayworth estavam o primeiro-ministro Tancredo Neves e o deputado federal por Pernambuco e ministro da Saúde do governo João Goulart, o petebista Estácio Souto Maior (pai do tricampeão de Fórmula I, Nelson Piquet), que em 1969, embora já na Arena, acabou cassado pelo Ato Institucional nº 5.

Segundo o site Caixa de Sucessos, a atriz ainda participou de um coquetel bastante prestigiado, no Riacho Fundo.

A vinda de Rita Hayworth fazia parte de um esforço federal em trazer pessoas de renome internacional para que Brasília se tornasse mais conhecida e admirada no mundo. Um ano depois, os famosos Jean Paul Belmondo e Kirk Douglas também estiveram na nova capital brasileira.

(Sérgio Botelho é jornalista)

Leia – Juscelino desmente boatos de continuísmo

Leia – Em 1962, Brasília ainda alimentava pessimismos como capital do Brasil

Leia – a saga da Cidade Livre

Leia – Academia Brasileira de Letras decide ficar no Rio

Leia – a pedra fundamental de Brasília

Leia – o despejo dos hóspedes do Brasília Palace Hotel

 

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas