Pix é o meio de pagamento e recebimento preferido dos MEIs

Microempresa máquina de costura Misto Brasília
Muitas empresas dependem da renegociação de dívidas fiscais para continuar produzindo/Arquivo

Pesquisa ouviu 6 mil usuários da base cadastral da plataforma MaisMei, que observou também que muitos ainda recebem pagamento em cheque

Por Misto Brasil – DF

O Pix é o principal de recebimento de pagamentos pelos microempreendedores individuais (MEIs), segundo uma ´pesquisa da plataforma MaisMei. O índice de aceitação é de 93% e mais da metade (54,93%) usa o sistema também para pagar as contas.

O levantamento da plataforma também mostrou que 77% dos MEIs ainda recebem, frequentemente, por dinheiro em cédulas e, pelo menos a metade do público não aceita pagamentos por cartão, seja no crédito ou no débito. Os links de pagamento são aceitos por 14,86%, enquanto o cheque é o meio menos utilizado (3,72%) pelos microempreendedores.

Os pesquisadores ouviram 6 mil usuários da base cadastral da startup e traçou o perfil do microempreendedor brasileiro.

O que chama a atenção, segundo a head de Contabilidade da MaisMei, Kályta Caetano, é a alta preferência pelo Pix, mesmo com o meio de pagamento oferecendo alguns riscos para quem está enquadrado no regime de tributação do Simples Nacional – que é mais barato e menos burocrático.

“Mesmo as entradas recebidas no seu CPF são consideradas como faturamento da empresa, o que, dependendo do caso, pode ultrapassar o limite de R$ 81 mil por ano e resultar no desenquadramento do microempreendedor individual”, explica.

“Não há mais como deixar de emitir notas fiscais para todas as suas vendas recebidas, mesmo que o seu cliente não a solicite. A dica principal é informar esses valores corretamente na sua DASN (Declaração anual obrigatória para MEI). Como o Fisco tem acesso às informações das suas transações realizadas com cartão de crédito, débito e Pix, ele vai, facilmente, cruzar esses dados com as notas fiscais emitidas”, observa Kályta Caetano.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas