Brasileira em escola na Faixa de Gaza relata medo

Brasileira brasileira Shaed Albanna Faixa de Gaza Misto BRasília
A brasileira Shaed Albanna foi informada que terá que deixar a escola. De acordo com ela, há cerca de 30 pessoas em escola/ Frame/ Video Conferência

Shaed Albanna, 18 anos, contou que há cerca de 30 pessoas nessa escola, e que só quer sair da zona de guerra

Por Lucas Pordeu León – DF

Os brasileiros que estão abrigados em uma escola católica na cidade de Gaza temem ter que deixar o local antes mesmo da abertura de um corredor humanitário.

Uma das brasileiras que está na escola disse àAgência Brasilnesta sexta-feira (13) que eles foram informados de que o lugar não é mais seguro e que terão de seguir para o sul da Faixa de Gaza a qualquer momento. O Ministério das Relações Exteriores do Brasil ainda não confirmou a informação.  

Leia – terceira morte de brasileiros é confirmada

Desesperada, a brasileira Shaed Albanna, 18 anos, contou que há cerca de 30 pessoas nessa escola.

Dez são brasileiros que desejam repatriação. Eles fazem parte do grupo de 22 pessoas que pediram evacuação (dez crianças, sete mulheres e cinco homens). De acordo com o Itamaraty, dos 22, doze aguardam socorro fora da escola, na cidade de Khan Younes, sul de Gaza.

Shaed nasceu no Brasil e foi à Gaza com a irmã, 13 anos, para visitar a mãe que estava doente e faleceu de câncer. Elas estão ainda acompanhadas pela avó. “A escola não é mais um lugar seguro. Os israelenses estão entrando pelo país, todo mundo está saindo fugindo. Eu não quero morrer”, relatou, chorando.

Israel informou aos agentes das Nações Unidas que a região norte da Faixa de Gaza, onde vivem 1,1 milhão de pessoas, deve ser evacuada em 24 horas. A Organização Mundial da Saúde (OMS) apelou para a ordem seja revista porque não há tempo hábil para retirar todo mundo e teme a escalada da crise humanitária.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas