Zelenski faz apelo por ajuda para “sobreviver ao próximo inverno”

Volodomir Zelenski presidente da Ucrânia Misto Brasília
Volodomir Zelenski é o presidente da República da Ucrânia/Arquivo/Reprodução

Em sua primeira visita à sede da Otan em Bruxelas desde o início da invasão russa, o presidente da Ucrânia fez um pedido de reforços na defesa antiaérea

Por Misto Brasília – DF

O presidente da Ucrânia, Volodimir Zelenski , instou os países aliados no Ocidente a fortalecerem a ajuda armamentista ao país, para que seja possível “sobreviver ao inverno”, que começa em dezembro no hemisfério norte.

Em sua primeira visita à sede da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) em Bruxelas desde o início da invasão russa ao seu país, Zelenski fez um pedido de reforços na defesa antiaérea, além de mísseis de longo alcance e munição. Ele expressou temores de que o conflito entre Israel e o grupo radical islâmico Hamas poderia gerar abalos sem apoio dos Estados Unidos à Ucrânia.

Sobreviver ao próximo inverno é algo de grande importância para nós” afirmou, ao lado do secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg, antes de uma conferência de países apoiadores da Ucrânia. “Nos preparamos, estamos prontos. Precisamos agora do apoio dos líderes, e é por isso que estou aqui hoje”, disse o ucraniano.

Ele explicou que esse apoio é fundamental para proteger a infraestrutura do país, como a exportação de alimentos, além da vida dos civis ucranianos.

O secretário americano da Defesa, Lloyd Austin, anunciou o envio de um novo lote de armamentos para Kiev no valor de 200 milhões de dólares, que inclui mísseis de defesa antiaérea, com o objetivo de ajudar os ucranianos a resistirem a fortes ataques de inverno russo que é aguardada para os próximos meses.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas