Alemanha proíbe manifestações de apoio à causa palestina

Polícia Alemanha ataque em universidade Misto Brasília
Um homem de origem afegã teria esfraqueado um policial alemão/Arquivo/Reprodução

A polícia informou que também estão proibidos quaisquer outros atos que venham a ser realizados nesta quarta-feira

Por Misto Brasília – DF

A polícia de Berlim, na Alemanha, anunciou nesta terça-feira (10) a proibição de um ato público anti-Israel e de apoio à causa palestina que estava programado para o dia seguinte.

O motivo, segundo as autoridades da capital alemã, seriam preocupações em relação a possíveis “perigos para a segurança e para a ordem pública”, conforme informou a Agência DW.

A manifestação, cuja concentração estava marcada para ocorrer na Praça Pariser, entre o Portão de Brandemburgo e a avenida Unter den Linden, reuniria apoiadores da Palestina que percorreriam um trajeto através do bairro de Neuköllln, onde se encontra uma importante comunidade muçulmana.

Leia – árabes ampliam apoio aos palestinos

A polícia informou que também estão proibidos quaisquer outros atos que venham a ser realizados em substituição ao que estava marcado para esta quarta-feira.

Segundo o informe divulgado na rede social X, antigo Twitter, a decisão de proibir a manifestação foi tomada tanto em razão da “situação atual no Oriente Médio” quanto pelos “acontecimentos no final de semana passado em Berlim”.

A agência alemã de notícias DPA, informou que outras manifestações também foram proibidas por conterem slogans antissemitas e de incitação à violência.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas