Carteira do trabalho Misto Brasília

DF registra maior geração de emprego no Centro-Oeste em outubro

De acordo com os dados do Caged divulgados hoje, houve um saldo positivo de 4.795 de contratações

Por Misto Brasília – DF

Todas as regiões do país tiveram saldo positivo na geração de emprego no mês passado. Houve aumento de trabalho formal em 26 das 27 unidades da federação. O Distrito Federal registrou o melhor desempenho na região Centro-Oeste, com uma variação positiva de 0,55%.



No mês de outubro, de acordo com os dados do Ministério do Trabalho e Previdência, o Distrito Federal teve um saldo de 4.795 se comparado com o mês de setembro. Foram admitidos no período 33.184 trabalhadores e desligados outros 28.389, de acordo com as Estatísticas Mensais do Emprego Formal (Caged).

Na região, o segundo melhor desempenho foi o Mato Grosso do Sul, com 0,28%. A pior geração de novos empregos foi Goiás, com 0,07%. Mato Grosso gerou 0,11% de emprego a mais.



As atividades econômicas em todo o Brasil criaram 159.454 postos de trabalho, resultado de 1.789.462 admissões e de 1.630.008 desligamentos de empregos com carteira assinada.

No acumulado deste ano, o saldo é de 2.320.252 novos trabalhadores no mercado formal. O estoque de empregos formais no país, que é a quantidade total de vínculos celetistas ativos, chegou a 42.998.607 em outubro, o que representa um aumento de 0,37% em relação ao mês anterior.



Para o ministro do Trabalho e Previdência, José Carlos Oliveira, de acordo com a Agência Brasil, o resultado “dá a possibilidade de sonhar” com o fechamento do ano com mais de 2,5 milhões de empregos gerados.

“É uma felicidade, mais uma vez verificamos que a nossa economia está no rumo certo. Nós, o Ministério do Trabalho e Previdência, agradecemos a todos os empresários e empreendedores que acreditam e que investem no mercado brasileiro.



Veja o quadro nacional de empregos pelo Caged