Desenho fábrica motores elétricos Misto Brasília

Acordo consolida projeto de fábrica de carros elétricos em Minas

Projeto de US$ 4 bilhões, desenhado pela Bravo Motor Company Brasil, será o primeiro do ramo na América Latina

O acordo entre a SMC do Brasil com a Bravo Motor Company Brasil foi mais uma etapa para a construção de uma fábrica, em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte. O projeto da fábrica foi anunciado em dezembro de 2020.

A SMC é especialista em produtos pneumáticos e hidráulicos, como soluções e tecnologias e suporte técnicos. A Colossus Cluster será a primeira empresa do ramo na América Latina. A Bravo tem com enfoque na produção de baterias, veículos elétricos de transporte coletivo e sistemas de armazenamento de energia.



A empresa do argentino radicado nos Estados Unidos, Miguel Ángel Bravo, pretende construir uma fábrica de carros, baterias e de outros componentes para veículos leves.

No final do semestre passado, foi anunciado também a parceria com a Rockwell Automation para a construção do complexo de mobilidade elétrica. O investimento no projeto é de investimento de US$ 4 bilhões.



A fábrica mineira tem planos para produzir 22.790 veículos elétricos por ano a partir de 2024, com ampliação da capacidade até 2029, quando o projeto estará concluído, o que permitirá criar 14.000 empregos diretos e indiretos. Além disso, no mesmo complexo serão produzidos 43.750 kits da baterias de lítio por ano, segundo informou a mídia.

“As baterias são o coração do processo de descarbonização, e em Nova Lima, será produzida uma nova geração, que permitirá atender às demandas do mercado com um produto mais ecológico e com menor pegada de carbono. O mercado brasileiro foi uma escolha natural devido ao alto nível de formação do capital humano e a logística única”, informou o CEO da Bravo, Eduardo Javier Muñoz.