Filme Um giro pelo mundo Misto Brasília

Programação do CCBB tem cinema, brinquedos e teatro

A maioria dos eventos tem entrada gratuita e podem ser vistas a partir de quinta-feira

Até 30 de janeiro, o jardim do CCBB vai receber o Parque Diversom, uma experiência lúdica com brinquedos sonoros. Foram criado por Márcio Vieira e Luciano Porto, ambos integrantes do grupo brasiliense Circo Teatro Udigrudi.

O projeto tem como foco principal despertar a percepção auditiva das crianças através da associação de sons e movimento,  com brinquedos tradicionais e originais acoplados a aparatos sonoros que são acionados pelo movimento do brincante. São cinco brinquedos. Terça a domingo, 9h às 21h, área externa. Entrada gratuita.




Até 23 de janeiro, o teatro do CCBB Brasília recebe o premiado espetáculo Viagens Extraordinárias, da Cia. Solas de Vento. Esta será a primeira vez que a capital vai receber a famosa peça adaptada pelo grupo, que rememora a prestigiada obra do autor ficcional francês Júlio Verne (1828-1905), considerado por muitos críticos literários como o inventor da ficção científica.

Recomendado para maiores de cinco anos. Quinta a domingo, sempre às 16 horas, com sessões extras aos sábados e domingos, 11 horas. Ingressos à venda em bb.com.br/cultura R$ 30 (inteira) e R$ 15 (clientes BB com Ourocard) e meia-entrada para estudantes e professores, crianças com até 12 anos, maiores de 60 anos, pessoas com deficiência e suas acompanhantes.


O projeto Um Giro Pelo Mundo entra em seu último final de semana no CCBB Brasília. O projeto propõe para crianças e adultos uma imersão aos costumes e vivências de nações como Índia, Gana, França, Canadá, Alemanha, Brasil, Portugal e Suíça, com uma programação variada com exibição de 38 filmes, entre animações, curtas e longas metragens do universo infantil, oficinas lúdicas, espetáculos teatrais e apresentações de dança.

Entre os curtas que serão exibidos, destaque para Calamity, de Remi Chayé, animação franco dinamarquesa inédita no Brasil; o filme brasileiro O menino e o mundo, animação vendida em mais de 100 países, e já faturou mais de 50 prêmios; e as animações Le trois verites e Shamazulu, da África. Entrada gratuita.