PMDF Misto BRasília

Mulher pede “hambúrguer” à PMDF para fugir de violência doméstica

O caso aconteceu nesta manhã de segunda-feira. Em setembro, uma mulher pediu uma “pizza”

Depois de um registro de “pedido” de pizza, desta vez uma mulher solicitou um “hambúrguer” como senha para pedir ajuda da Polícia Militar do Distrito Federal. O policial atendente percebeu que a mulher estava sendo vitima de violência e ajudou a mulher a dar os detalhes do endereço. Ouça a gravação logo abaixo.

No dia 30 de setembro passado, um homem foi preso em flagrante depois que uma 38 anos,  fingiu pedir uma pizza. O caso ocorreu em Ceilândia.  A polícia apreendeu a faca que estava sendo usada e levou o suspeito para a delegacia.



Neste novo caso, a perspicácia do policial permitiu que o homem de 32 anos fosse preso em flagrante na manhã dessa segunda-feira (18). A vítima de 19 anos, que estava na QR 402, da cidade de Samamabia, ligou para o 190 e fingiu pedir um hambúrguer. O agressor, que estava em prisão domiciliar por delitos anteriores, foi detido e autuado pelos crimes de estupro e cárcere privado na 26ª DP.

A Polícia Militar informou agora à noite que segundo o operador do 190, era possível ouvir a voz de um homem ao fundo, dando a entender que estava ameaçando a mulher. A PMDF esclareceu que ao chegar no endereço, a equipe policial do 11º Batalhão encontrou a solicitante chorando bastante.


Ela relatou que era amiga do homem, proprietário da residência, e que foi para a casa dele no sábado. A partir de então, o autor a forçou a ter relações sexuais não consentidas, durante todo o fim de semana, não deixando ela sair da residência ou fazer contato com ninguém.