Mapa localização Cumbre Vieja vulcão

Cinzas do vulcão Cumbre Vieja obriga fechamento de aeroporto

A lava avança a cerca de 12 metros por hora nas suas zonas mais rápidas

O aeroporto de La Palma, nas Canárias, está sem operações por acumulação de cinzas, resultante da erupção do vulcão Cumbre Vieja, informou este sábado a empresa gestora dos aeroportos e do tráfego aéreo (AENA).

Segundo a empresa, citada pela agência Efe, iniciaram-se já as tarefas de limpeza, podendo a navegação aérea ser retomada a qualquer momento.

A AENA (Aeroportos Espanhóis e Navegação Aérea) informou que os demais aeroportos das Ilhas Canárias estão operacionais, embora recomende aos viajantes que verifiquem com as suas companhias aéreas a situação de seus voos. “A prioridade é garantir a segurança das operações”, disse o responsável do aeroporto de La Palma.



A companhia aérea das Canárias Binter, que tinha suspendido na sexta-feira voos devido ao comportamento das nuvens de cinza, retomou os seus horários com a ilha de La Gomera e com os aeroportos de Tenerife Norte e Sul, mas mantém os voos de e para La Palma encerrados.

Segundo a última atualização dos peritos do Pevolca, nesta sexta-feira, a lava avança a cerca de 12 metros por hora nas suas zonas mais rápidas, mas em outras zonas quase que parou por completo.

As operadoras marítimas, que asseguram a travessia entre Tenerife e La Palma por ferry, já reforçaram as viagens para este fim de semana, uma vez que são agora uma alternativa à saída daquela zona, devido ao encerramento do aeroporto.