Terreno do Torre Palace vai a leilão novamente em outubro

Terreno do Torre Palace vai a leilão novamente em outubro

O imóvel tem área construída de 7,5 mil metros quadrados e foi avaliado em R$ 35 milhões

Até o final da primeira quinzena de outubro será realizado um novo leilão para a venda do terreno do prédio em ruínas do antigo Torre Palace Hotel, no Setor Hoteleiro Norte de Brasília. O empreendimento fechou depois que o proprietário morreu em 2000 e os filhos começaram a travar uma guerra judicial.

A nova tentativa de venda foi determinada nesta semana pelo juiz da 13ª Vara do Trabalho de Brasília, Marcos Ulhoa Dani. Ele declarou deserta a primeira tentativa de leilão e determinou que o bem volte a ser disponibilizado para arrematação, em até 30 dias. O imóvel tem área construída de 7,5 mil metros quadrados e foi avaliado em R$ 35 milhões.



O despacho ocorreu depois que o Superior Tribunal de Justiça (STJ) reconheceu a competência da Justiça do Trabalho para analisar as questões relativas ao leilão do terreno do hotel, segundo informou a assessoria do Tribunal Regional do Trabalho 10a. Região.

O bem foi a leilão no final de 2020. Após contestação do resultado, o arrematante pediu desistência, o que foi homologado pelo magistrado. Como os demais participantes do leilão não honraram com os seus respectivos lances, o leilão foi considerado deserto.