Cadastro de currículos de jovens sobe mais de 200% no semestre

Cadastro de currículos de jovens sobe mais de 200% no semestre

O aquecimento do mercado de trabalho amplia as oportunidades de colocação dos trabalhadores

O cadastro de currículos para os menores de 18 anos cresceu 206% no primeiro semestre – 41% para os candidatos de 19 a 24 anos e 29% de jovens de 25 a 29 anos. A pesquisa é do Banco Nacional de Empregos.

“O aumento significativo de jovens buscando sua primeira oportunidade de trabalho ou tentando se recolocar no mercado é um efeito da pandemia. Com a crise, a procura de emprego tende a aumentar e é exatamente por isso que estamos vendo inúmeros jovens, inclusive menores de 18 anos, se cadastrando no site”, observou o CEO do BNE, Marcelo de Abreu.



“Está havendo aquecimento de vagas em algumas áreas, como é o caso de tecnologia, construção, logística e saúde. É importante que os jovens acompanhem as tendências para se recolocar profissionalmente ou encontrar o seu primeiro emprego”, ressalta.