Escola laboratório de informática DF Misto Brasília

Governo distrital abre 4,4 mil vagas para educador social voluntário

Podem participar pessoas maiores de 18 anos, de diversos níveis de escolaridade e de experiência

A Secretaria de Educação do Distrito Federal abriu 4.482 vagas e mais 314 de cadastro reserva nas 14 regionais de ensino para os interessados em atuar no Programa Educador Social Voluntário (ESV), no ano de 2021. A portaria que institui a iniciativa foi publicada no Diário Oficial do DF desta segunda-feira (12). A inscrição será de 16 a 19 de julho, exclusivamente neste site.

Podem participar pessoas maiores de 18 anos, de diversos níveis de escolaridade e de experiência, de acordo com as previsões do edital. A seleção será por meio de análise de currículo, a cargo de comissões avaliadoras, formadas nas unidades escolares que terão educadores sociais voluntários.



Os educadores sociais voluntários vão atuar presencialmente, nos dias letivos e naqueles para reposição de aulas. Receberão R$ 30 por dia de atuação presencial, para cobrir as despesas com alimentação e transporte. O tempo diário de voluntariado será de quatro horas, mas eles poderão atuar em dois turnos ou em duas escolas, recebendo, assim, o ressarcimento em dobro. O pagamento será feito pela regional de ensino, com recursos do Programa de Descentralização Administrativa e Financeira (PDAF).

As tarefas a serem desempenhadas são relacionadas ao cotidiano da escola, tais como auxiliar em atividades pedagógicas, esportivas e culturais. No ensino especial, eles também irão apoiar os estudantes nos horários de recreação e de refeição, entre outras atribuições, de acordo com informações da assessoria da Secretaria da Educação.