NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter.

Luziânia começa a vacinar neste sábado pessoas com 50 anos

O segundo mutirão tem como meta imunizar 10 mil pessoas num único dia, segundo a Secretaria da Saúde
Vacinação contra a Covid-19
A imunização continua para as pessoas com mais de 50 anos de idade/Arquivo/Observador

A prefeitura de Luziânia pretende vacinar neste sábado (12), 10 mil pessoas no segundo mutirão organizado pela Secretaria da Saúde. A novidade é que entre as pessoas convidadas a receber a vacina contra a Covid-19, estão àquelas com idade acima de 50 anos.

O município é o primeiro do Entorno do Distrito Federal a iniciar a campanha de imunização para este público. A vacinação vai acontecer em dois locais, no posto do Distrito do Jardim Ingá e no Aeroclube, segundo informou esta manhã a assessoria de imprensa da prefeitura.

Até agora, foram vacinados em Luziânia 29.518 pessoas. Com o mutirão de amanhã, a meta da Secretaria da Saúde é alcançar 40 mil pessoas. No domingo não haverá vacinação, mas o trabalho será retomado na próxima segunda-feira.

Ainda não há previsão para a redução da idade do público-alvo, porque o cronograma de imunização depende da chegada de novos imunizantes. Em Luziânia, estão sendo aplicadas as vacinas da AstraZeneca, da CoronaVac e da Pfizer.

Em Goiás, foram aplicadas 1,6 milhão de doses da vacina contra a peste na primeira dose. A segunda dose foi aplicada em 668.964 pessoas. Apesar da vacinação, a situação é de calamidade em 12 regiões por conta da pandemia.

Entre as regiões está a do Entorno Sul, onde estão Luziânia, Águas Lindas de Goiás, Cidade Ocidental, Cristalina, Santo Antonio do Descoberto, Novo Gama e Valparaíso de Goiás. Nesta região residem quase 1 milhão de pessoas. A situação é crítica em cinco regiões. A situação de alerta ocorre em apenas uma região, segundo indicações da Secretaria da Saúde de Goiás.

Mais noticias

Slider