NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter.

Taxa de mortalidade pelo Covid é uma das mais altas do mundo

Brasil registrou no sábado 1.555 mortes no quinto dia consecutivo em que a marca fica acima de 1.500 óbitos
Vacinação contra a Covid-19
A vacinação é a única forma de acabar com a pandemia, mas a imunização é lenta/Arquivo/Observador

O Brasil registrou no sábado (06) 1.555 mortes associadas à Covid-19, segundo dados divulgados pelo Conselho Nacional de Secretários da Saúde (Conass), no quinto dia consecutivo em que a marca fica acima de 1.500 óbitos. Foram identificados 69.609 novos casos da doença. Com isso, o total de infecções identificadas no país subiu para 10.938.836, enquanto os óbitos chegam a 264.325.

Diversas autoridades e instituições de saúde alertam, contudo, que os números reais devem ser ainda maiores, em razão da falta de testagem em larga escala e da subnotificação. O Conass não divulga número de recuperados. Segundo o Ministério da Saúde, 9.704.351 pacientes haviam se recuperado até este sábado.

A taxa de mortalidade por grupo de 100 mil habitantes subiu para 125,8 no Brasil, a 21ª mais alta do mundo, quando desconsiderados os países nanicos San Marino, Liechtenstein e Andorra.

Mais noticias

Slider