NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter.

Israelenses vacinados já podem frequentar shoppings centers

Lojas e shopping centers também reabriram neste domingo, mas com limite máximo de ocupação permitida de 30%
Shopping Israel
O shoppings foram abertos hoje em Israel, mas com restrição de público/Jerusalem Post

A partir deste domingo (21), os israelenses que tomaram as duas doses da vacina contra covid-19 têm permissão para visitar centros esportivos, teatros, museus e hotéis. Para isso, basta apresentar na entrada desses lugares um certificado de vacinação, o chamado “passaporte verde”.

O ministro da Saúde, Yuli Edelstein, escreveu no Twitter que mais de 3,2 milhões de israelenses, incluindo aqueles que apresentam imunidade por terem se recuperado do vírus, agora podem frequentar essas instalações culturais e desportivas. Quase 3 milhões de israelenses receberam as duas doses necessárias do imunizante da parceria Pfizer-BioNTech, de acordo com Edelstein. A cifra corresponde a quase um terço da população israelense, de 9,3 milhões.

Lojas e shopping centers também reabriram neste domingo, mas com limite máximo de ocupação permitida de 30%. No entanto, as autoridades sanitárias do país alertam para que a população continue usando máscaras, respeitando o distanciamento social e lave as mãos frequentemente.

O Ministério da Saúde israelense anunciou também neste domingo que a vacina contra Covid-19 da Pfizer-Biontech é altamente eficaz depois que a segunda dose é administrada. De acordo com dados da pasta, a vacina tem se mostrado cerca de 99% eficaz na prevenção de hospitalização, quadro grave da doença e morte duas semanas após a segunda dose.

Mais noticias

Slider