NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter.

Decreto autoriza Forças Armadas nas eleições de novembro

Os locais em que as Forças Armadas vão atuar serão definidos em conjunto com o Tribunal Superior Eleitoral
Desfile militar Exército
Ministério da Defesa defende em nota que as Forças Armadas fiquem longe da política/Divulgação/Defesa

A Presidência da República editou nesta segunda-feira (19) um decreto que autoriza o uso das Forças Armadas nas eleições de 2020O decreto visa, de maneira geral, contribuir para a segurança do processo eleitoral, possibilitando o exercício livre do voto aos eleitores e a apuração adequada dos votos.

Segundo o ato, o Gabinete de Segurança Institucional da Presidência, o Ministério da Defesa e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vão atuar de forma articulada para cumprir com este objetivo. Os locais em que as Forças Armadas vão atuar serão definidos em conjunto com o TSE, segundo informou a Agência Brasil.

A data do primeiro e do segundo turnos das eleições municipais deste ano foram alteradas para os dias 15 e 29 de novembro, respectivamente. A mudança foi feita por meio da aprovação de uma emenda constitucional por deputados e senadores.

Mais noticias

Slider