NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter.

TSE confirma a cassação de mandato de deputado distrital

Professora que trocou cinco vezes de partido vai substituir o deputado distrital cassado por abuso de poder econômico
Deputado José Gomes
Depois de ter o mandato cassado, José Gomes volta à CLDF/Reprodução site do parlamentar

O mandato do deputado distrital José Gomes Ferreira Filho (PSB-DF) foi cassado por unanimidade ontem (06) à noite pelos ministros do Tribunal Superior Eleitoral. O Tribunal Regional Eleitoral do DF já tinha concluído pela inelegibilidade do parlamentar por oito anos e teve o mandato cassado por abuso do poder econômico na campanha eleitoral de 2018. Também foi determinada a imediata comunicação do acórdão do TSE à Câmara Legislativa do Distrito Federal para que o parlamentar deixe o mandato. Atualizado às 08h33

A suplente Luzia de Paula, também eleita pelo PSB, vai assumir a vaga. Ela nasceu em Patos de Minas, em Minas Gerais, e na época da eleição, declarou ter em bens R$ 763,8 mil e ser parda. A professora que mora em Ceilândia chegou a assumir a Câmara Legislativa também como suplente em 2010. Luzia não tem apego a partidos políticos, pois já trocou de legendas cinco vezes, indo do PEN, para o PPS, Rede, PSL e para o PSB. Antes de assumir, ela deverá ser primeiro diplomada pela justiça eleitoral.

O empresário teria ameaçado demitir os empregados de sua empresa caso não votassem nele nas eleições de 2018. Ao julgar o caso, no âmbito de uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije), o TRE-DF entendeu que o abuso do poder econômico foi comprovado com cópias de mensagens de WhatsApp enviadas aos cerca de 10 mil empregados que trabalham na empresa Real JG. Também foram apresentados áudios e vídeos de reuniões em que as ameaças teriam sido feitas.

Em abril do ano passado, no processo que foi julgado pelo TRE-DF, o procurador regional eleitoral José Jairo Gomes estranhou que José Gomes tenha recebido 16.537 votos totalizados (1,12% dos votos válidos) quando não fez propaganda ostensiva. Sua empresa tem 10 mil colaboradores.

Mais noticias

Slider