Logo Misto Brasília

NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter.

NOTÍCIAS

Retração do PIB joga por terra expectativa positiva para a economia

Contraiu 1,5% no primeiro trimestre deste ano sobre os três meses anteriores e é o mais forte desde 2015
Economia soldagem
As incertezas mundiais e nacionais são empecilhos para o crescimento dos negócios/Arquivo

A economia do Brasil iniciou 2020 com a mais forte retração desde 2015 no primeiro trimestre, ainda nos primeiros sinais dos impactos das restrições devido às medidas para conter a disseminação do coronavírus. O Produto Interno Bruto (PIB) contraiu 1,5% no primeiro trimestre deste ano sobre os três meses anteriores, informou nesta sexta-feira o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

É a primeira vez que a economia apresenta queda na base trimestral desde o recuo de 0,1% do quarto trimestre de 2018. O declínio do primeiro trimestre de 2020 é o mais forte desde o segundo trimestre de 2015 (-2,1%). O resultado mostra a forte deterioração da atividade depois de um aumento de 0,4% no quarto trimestre de 2019, em dado revisado pelo IBGE de alta de 0,5% informada anteriormente, quebrando sequência de quatro trimestres positivos.

Depois de um ritmo fraco no ano passado, com crescimento de 1,1%, qualquer expectativa positiva que existisse no início de 2020 caiu por terra com o início da pandemia de coronavírus, que deve pesar ainda mais no segundo trimestre.

Mais noticias

Slider