NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter.

GDF poderá ser obrigado a instalar bicicletário na rodoviária

Pedido para que a justiça determine melhorias de acesso para os ciclistas e pedestres foi feito pelo Ministério Público
rodoviária Plano Piloto
Na sexta-feira houve paralisações pontuais por conta de atrasos no pagamento dos salários/Arquivo

A Rodoviária do Plano Piloto, por onde passam todos os dias cerca de 700 mil pessoas em dias normais, poderá ter um bicicletário. O pedido foi feito numa ação civil pública na Vara de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano pela Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Urbanística (Prourb). A responsabilidade caberá ao governo do DF que deverá providenciar a obra em 90 dias após a sentença judicial.

A ideia é que o bibicletário seja integrado com ciclovias, ciclofaixas e calçadas “para oferecer trajeto contínuo, iluminado e sem obstáculos” para ciclistas e pedestres. A ação também pede a eliminação de barreiras urbanísticas e integração das ciclovias, ciclofaixas e calçadas na plataforma inferior da rodoviária e em seu entorno. Veja o conteúdo da ação civil pública

Para o promotor de Justiça Dênio Augusto Moura “é inconcebível que o principal terminal rodoviário e metroviário da capital da República, a Rodoviária de Brasília, seja desprovido de um bicicletário e de paraciclos compatíveis com as características e relevância do local para o sistema de mobilidade do Distrito Federal”.

Mais noticias

Slider