NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter.

NOTÍCIAS

Populares batem panelas e xingam carreata pela abertura do comércio

Manifestações como parte da campanha “O Brasil não pode parar” acontece em várias cidades
Coronavírus carreata em João Pessoa
Carreata em João Pessoa nesta manhã recebem críticas e xingamentos/Reprodução vídeo

Populares em casas e prédios de Joao Pessoa, a capital da Paraíba, xingaram uma carreata realizada por comerciantes para reabertura do comércio. As duas manifestações aconteceram pela manhã, confrontando ideias diferentes sobre as ações de combate ao novo coronavírus.

Em vídeos (veja um deles logo abaixo) divulgados nas redes sociais, algumas pessoas xingaram, vaiaram, fizeram panelaços de protesto e chegaram até a jogar ovos nos carros, segundo o ClickPB. No Rio de Janeiro, a Justiça proibiu a realização de uma carreata contra o isolamento para conter o avanço do coronavírus, prevista pela manhã. O evento faz parte da campanha “O Brasil não pode parar”, do governo Federal.

Agência de Brasília faz campanha polêmica de Bolsonaro – #COMPARTILHE as notícias do Misto Brasília

Em Natal, no Rio Grande do Norte, também aconteceu uma carreata pelo fim do isolamento social durante a pandemia do novo coronavírus – o Covid-19 e a reabertura do comércio na capital potiguar. Em nota, o governo do estado afirmou que o cumprimento do decreto estadual que define medidas restritivas temporárias é obrigatório e considerou as manifestações como “irresponsáveis”.

Trump deve decretar quarentena em cidades dos Estados Unidos – #COMPARTILHE o Misto Brasília

No Espírito Santo, o Ministério Público para notificou a Associação dos Municípios (Amunes) para que os prefeitos adotem todas as medidas administrativas e judiciais cabíveis para que manifestações em carreatas não se transformem em aglomeração de pessoas. Na quinta-feira (26), em Cachoeiro de Itapemirim, cerca de 300 empresários fizeram uma carreata, gritando palavras de ordem contra o decreto do prefeito Victor Coelho (PSB).

No Paraná, grupos de direita puxaram ontem carreatas em protesto pela reabertura do comércio. Movimentos como o Acampamento Lava Jato e o Direita Paraná protestaram em vários pontos de Curitiba e de outras cidades. Ontem, o presidente Jair Bolsonaro compartilhou no Twitter uma carreata realizada à noite em Balneário Camboriú, em Santa Catarina.

De acordo com informações do Estadão, após repercussão negativa e diversas ações judiciais contra a campanha “O Brasil não pode parar”, o governo apagou ao menos três publicações com o slogan nas redes sociais que defendiam o fim do isolamento social. Apesar de terem sido deletadas na sexta-feira à noite, as imagens ficaram disponíveis por três dias nas contas oficiais do governo.

Protesto nesta manhã em João Pessoa

Mais noticias

Slider