NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter.

NOTÍCIAS

Banco reduz previsão de crescimento da economia do Brasil

Bank of America Merrill Lynch reduziu sua perspectiva para 1,9%, o primeiro grande banco a ficar abaixo da linha de 2%
Siderúrgica brasileira
Observadores dizem estar sensíveis ao governo de Jair Bolsonaro/Arquivo

O Bank of America Merrill Lynch reduziu nesta quinta-feira sua perspectiva de crescimento econômico do Brasil em 2020 para 1,9%, o primeiro grande banco a ficar abaixo da linha de 2% que muitos observadores dizem ser altamente sensível ao governo do presidente Jair Bolsonaro.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, e outras autoridades disseram repetidamente que as reformas econômicas de direita do governo e as baixas taxas de juros produzirão crescimento de mais de 2% com folha este ano, com Guedes confiante em 2,5%.

Mas vários indicadores econômicos ficaram mais fracos do que o esperado recentemente, e a mídia relatou que Bolsonaro está ficando cada vez mais frustrado com Guedes a medida que parece cada vez mais provável que o esperado crescimento de 2% deste ano está em risco.

Mais noticias

Slider