NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter.

NOTÍCIAS

TSE mantém para abril nova eleição para senador do MT

Os ministros recusaram por unanimidade o pedido do MPE para o pleito em até 40 dias
ministra Rosa Weber STF
Ministra Rosa Weber acompanhou os demais ministros na reclamação do MPE/Arquivo

O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manteve nesta manhã a data da eleição suplementar para escolha de um novo senador no Mato Grosso no dia 26 de abril. Com esta decisão, recusou uma reclamação do Ministério Público Eleitoral para que o pleito pudesse acontecer nos próximos 20 a 40 dias.

A sessão foi transmitida ao vivo pelo Misto Brasília

A escolha de um novo senador é por conta da cassação do diploma eleitoral da senadora Selma Arruda (Podemos) pela prática de abuso de poder econômico e arrecadação ilícita de recursos nas eleições gerais de outubro de 2018. Também foram cassados os diplomas eleitorais de primeiro suplente, Gilberto Possamai, e da segunda suplente da chapa, Clerie Mendes.

Última a votar, a presidente do TSE, ministra Rosa Weber afirmou, assim como os ministros que a antecederam, que não houve por parte do TRE do Mato Grosso qualquer descumprimento da decisão proferida pela Corte Superior, quanto à fixação da data da nova eleição.

Mais noticias

Slider