NEWSLETTER

Inscreva-se em nossa newsletter.

Governo cancela o Carnaval na Esplanada dos Ministérios

Secretário da Cultura informou que não há dinheiro para a programação prevista com artistas nacionais
Carnaval
Mais de 30 blocos estão previstos para esta terça-feira gorda de Carnaval/Arquivo

O secretário da Cultura e Economia Criativa, Bartolomeu Rodrigues, anunciou há pouco que o governo do Distrito Federal cancelou toda a programação carnavalesca na Esplanada dos Ministérios. Dessa forma, está cancelada a contratação de nomes consagrados para animar os foliões de 21 a 26 de fevereiro.

Entre os motivos alegados pelo secretário, estão a falta de dinheiro e segurança. Bartô disse que não foi possível obter patrocínio para os eventos orçados em R$ 4 milhões. E os episódios de violência com a morte de um jovem no pré-carnaval do final de semana também pesou na decisão.

O governo decidiu agora por uma programação bem mais modesta, no valor de R$ 1 milhão. Serão contratados artistas locais a serem selecionados nesta semana. As apresentações serão feitas no palco da Funarte com a participação de 16 bandas e quatro escolas de samba. Veja a prévia programação anunciada pela Secretaria.

Será ampliado o chamado carnaval social em mais dois locais. Agora, serão 13 regiões administrativas que contarão com a animação momesca e a Terceira Idade será contemplada com uma programação especial.

Mais noticias

Slider