Edir Macedo

Vídeo com Edir Macedo é retirado do Misto Brasília pelo YouTube

O vídeo em que o chefe da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), Edir Macedo, pede para os fiéis colocarem a mão no bolso não pode mais ser visto no canal e no site do Misto Brasília.

O vídeo tem menos de um minuto, mas bem significativo. Nele, o bispo afirma categórico: “O Espírito Santo quer que você bota a mão no bolso”. O comentário foi feito durante uma palestra em um dos templos da Universal.

O vídeo começa com fiéis aplaudindo o bispo em um culto. Em seguida, Macedo repete por diversas vezes “não, não, não, não. Eu não creio que o Espírito Santo queira palmas. Ele quer que você nos ajude a pagar nossas contas”. A plateia começa a rir e então o bispo brada “Amém”, à medida que os fiéis respondem afirmativamente.

O Misto Brasília republicou as imagens, mas ontem (27) o YouTube retirou o vídeo do ar. A plataforma informou que o site estaria violando os direitos autorais e que o pedido foi feito pela IURD.

A Igreja Universal vez por outra está envolvida em polêmica. Uma delas foi a notícia recente de que está criando sua própria milícia. Veículos de comunicação de esquerda, incluindo sites como Forum, classificaram as milícias evangélicas como fascistas.

Outra publicação recente é que Edir Macedo é investigada em dois processos-crime. O primeiro visa apurar denúncias de atos contra a integridade de religiosos angolanos, como vasectomia forçadas. Num longo texto de Vinícius Assis, publicado na editoria de Mundo do site 247, a Igreja Universal ainda é acusada por pastores de tentar punir “rebeldes” que denunciaram as irregularidades à Justiça angolana.

O assunto noticiado em Angola rivaliza com outro escândalo naquele país, o Luanda Leaks, que envolve a filha do ex-ditador José Eduardo dos Santos. Isabel dos Santos seria a ponta de um enorme escândalo que respinga na Odebrecht e em empreendimentos na Paraíba para lavagem de dinheiro.