Temer manda exonerar Filippelli que foi preso hoje

A assessoria do Palácio do Planalto informou há pouco que o assessor do presidente Michel Temer, o ex-vice-governador do Distrito Federal Tadeu Filippelli, foi exonerado hoje. A exoneração será encaminhada ao Diário Oficial da União para Publicação, acrescentou a fonte do Planalto.

Este é o terceiro assessor exonerado por envolvimento em denúncias de recebimento de propina. Os dois anteriores foram José Yunes e Rodrigo Rocha, ambos envolvidos na Lava Jato. Tadeu Filippelli foi preso hoje numa operação da Polícia Federal que é o desdobramento das delações na Operação Lava Jato.

Os três assessores tinham muita proximidade com o presidente, assim como o deputado Rocha Loures (PMDB-PR), que hoje entregou a mala com R$ 500 mil na Polícia Federal. O parlamentar está suspenso das atividades na Câmara por ordem do Supremo Tribunal Federal.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas