Justiça manda prender novamente o ex-delegado Protógenes

A Justiça Federal em São Paulo mandou prender hoje o ex-delegado e ex-deputado federal Protógenes Queiroz, que atualmente mora em Berna, na Suíça, sob a condição de exilado político. Protógenes ainda não comentou a decisão.

O motivo é que ele deixou de comparecer a três audiências sem justificativa, embora tenha sido intimado. Ele foi condenado em 2010 a três anos e quatro meses de reclusão por crimes de violação de sigilo funcional e fraude processual, pena depois substituída por restrições de direitos com prestação de serviços na Suíça.

A juíza federal substituta Andréia Moruzzi determinou a conversão da pena restritiva de direito em restritiva de liberdade. Protógenes ficou conhecido nacionalmente com a polêmica Operação Satiagraha, em 2008, contra o banqueiro Daniel Dantas.

 

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas