Amin insiste que governo não recuou no texto do PL 257

O deputado Esperidião Amin (PP-SC) afirmou nesta quarta-feira (10) que não houve recuro por parte do governo federal que retirou do texto a obrigatoriedade de os estados não reajustar salários por dois anos.

Na visão de Amin, que é relator do projeto, o governo não recuou ao mexer no texto do PL 257/2016, que trata da renegociação das dívidas do estados com a União. Segundo ele, o texto alterado corresponde ao que  previa a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).E resultou de acordo entre líderes anteriormente.

Líderes pressionaram para que o presidente interino Michel Temer retirasse a contrapartida que iria aumentar o desemprego de servidores.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas