Delegada confirma que senador espancou amante

O senador pelo estado de Roraima é acusado por sua amante de tê-la espancado até desmaiar. A estudante universitária Maria Aparecida Nery de Melo, 19 anos, foi à delegacia denunciar o espancamento, segundo a Folha, pelo senador Telmário Mota (PDT-RR).

A delegada Verlência Silva, da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, disse que ficou caracterizada “violência contra a mulher” e que as agressões foram confirmadas por exame de corpo de delito que apontou “múltiplas lesões”.

Já a mulher de Telmário, a médica Suzete Oliveira, foi presa e condenada a seis anos e oito meses por envolvimento no esquema de desvio de verbas públicas conhecido como “escândalo dos gafanhotos”, quando era prefeita.

Telmário, um defensor da permanência de Dilma Rousseff (PT) no cargo, é acusado de vários crimes pelo seu adversário em Roraima, o senador Romero Jucá (PMDB-RR).

 

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas