Deputado acusado de oferecer emprego após assédio sexual

Uma jovem militante de um partido acusa de assédio sexual um importante deputado federal de São Paulo. O episódio da agressão ocorreu semana passada em Brasília, diz  colunista Leandro Mazzini.

Ele a convidou para uma reunião no apartamento funcional alegando ser encontro da militância e ela se viu sozinha com o parlamentar, que propôs bom cargo comissionado se a mulher de 25 anos fosse sua amante – e informou que é comum isso na Casa, e que já tem uma outra amante.

Com a recusa da garota, o político a agarrou, forçou um beijo e machucou os seus lábios.

Ela sofre ameaças para não denunciar o caso à Polícia, e família, amigos e advogados estudam as próximas ações. 

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas