Auditores fiscais querem “bônus” de produtividade para multar

A mobilização dos auditores fiscais para obter reajuste salarial tem apoio da administração central da Receita Federal do Brasil. A categoria quer ver aprovada a proposta que cria um “bônus” de produtividade, que elevaria a arrecadação federal em bilhões de reais.

Conhecida nos bastidores como “a indústria da multa”, a proposta travestida de projeto de lei pode engordar em R$ 15 mil os salários dos auditores. Pela tabela do “bônus” serão reajustados também os vencimentos dos aposentados.

A proposta estimula que  o fiscal vá a campo e preencha multas e quanto mais o fizer, melhor será no contracheque. A política de arrecadação é bem-vinda pela Receita Federal que fecha os olhos para a pressão sindical, que faz paralisações pontuais e que pode terminar com uma greve por tempo indeterminado.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas