Crise já provocou a demissão de 11,4 milhões de trabalhadores

O desemprego não para de crescer. Já são 11,4 milhões de trabalhadores demitidos para um total de 90,8 milhões de pessoas em condições de trabalho.

Houve também queda na renda. O valor médio, habitualmente, recebido em todos os trabalhos, de R$ 1,9 mil, diminuiu 2,7% no confronto com igual período do ano passado.

A última taxa foi revelada hoje pelo IBGE. O índice de 11,2% é a maior taxa de desocupação, desde o início da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) em 2012.

Em igual período de 2015, o desemprego atingiu 8,1% da população economicamente ativda. No trimestre anterior, encerrado em fevereiro, o desemprego estava em 10,2%

 

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas