Saia justa do padre Fábio de Melo que disse que “vítima autoriza agressor”

“As mulheres que são agredidas fisicamente pelos seus maridos, no dia em que ela recebe a primeira agressão, ela é que vai determinar para ele se ele vai ter o direito de agredi-la a vida inteira ou não.”

A frase é do popular padre Fábio Melo num vídeo antigo, mas que “viralizou” na internet a partir de domingo que passou.

Na homilia da missa (Assista ao vídeo), Fábio Melo foi mais fundo:  “O agressor só se torna agressor porque a vítima o autoriza.”

A saia justa provocou irados comentários e deixou o padre numa situação constrangedora com as mulheres. A declaração arrancada do fundo do baú provoca polêmica diante de um momento em que se discute o estupro como uma pandemia que contamina a sociedade brasileira.

A jornalista Marina Rossi, em texto no site do El Pais, afirma que quando o vídeo foi publicado no Youtube, há dois anos (Fábio de Melo afirma que o vídeo é de 2006), o discurso, hoje repudiado, parecia inofensivo e passou despercebido.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas