No Twitter, Henrique Alves garante que é inocente

O presidente interino Michel Temer deu mais um voto de confiança ao seu amigo, e manteve Henrique Eduardo Alves no Ministério do Turismo, “por enquanto”, apesar das denúncias contra ele.

Agora à noite, Alves usou a internet para se defender.  Eis o que ele disse no Twitter:

“Presto aqui os meus esclarecimentos sobre documento da PGR: Não fui citado, nem notificado para prestar quaisquer esclarecimentos. Todas as doações para as minhas campanhas foram legais e estão disponíveis no Tribunal Superior Eleitoral, como determina a lei. As minhas relações com políticos e empresários sempre foram pautadas pela ética e respeito institucional do cargo público ocupado. Estou à disposição da Justiça para esclarecer as ilações envolvendo o meu nome. Acredito nas instituições do nosso Estado Democrático de Direito, especialmente no Ministério Público”.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas