Temer aceita licença do senador Romero Jucá

O senador Romero Jucá saiu do Ministério do Planejamento. As primeiras informações indicam que ele pediu afastamento do cargo. No lugar está sendo cogitado Mansueto Almeida. Por ora, quem responde pelo ministério é o secretário executivo Diogo Henrique de Almeida, que poderá também ser confirmado como ministro. Atualizado às 17h18

A licença deve acontecer a partir de amanhã. Seria uma saída honrosa para Jucá que ficou de provar que não tentou obstruir as investigações da Lava Jato.

Mansueto já integra o governo na equipe econômica do Ministério da Fazenda. Em seu blog, que desativou quando foi convidado a participar do governo, Mansueto disse que “o desafio é enorme, mas a correção desses desequilíbrios começará agora no governo do presidente Temer. Prometo trabalhar duro com meus colegas do Ministério da Fazenda sob o comando do Dr. Henrique Meirelles.

 

O não ajuste deixou de ser opção dada a gravidade da situação atual e a trajetória preocupante de crescimento da dívida pública (% do PIB). Não há como empurrar o problema com a barriga. Chegou a hora do teste de maturidade da sociedade brasileira para, através de um debate político, transparente e aberto, decidirmos como faremos o ajuste fiscal. Não há tempo a perder. É preciso recuperar a confiança dos investidores, o investimento e a esperança de nós brasileiros.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas