Ataque a ônibus desfaz discurso do governador do Maranhão

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), vai ter que dar uma explicação sobre os ataques a ônibus ocorridos ontem à noite. Quatro veículos foram queimados na região metropolitana de São Luís.

Dino disse que a “ação da polícia” teria reduzido a criminalidade e que na Penitenciária de Pedrinhas os presos tinham sido pacificados.

Não é o que mostra esses novos ataques, pois pelo que se informa as ordens partiram de dentro do presídio, que é um dos piores do Brasil, segundo entidades de Direitos Humanos.

Há cerca de dois anos uma onda de ataques também abalou a segurança do Maranhão. Ontem à noite, houve toque de recolher e os ônibus foram recolhidos após os ataques.

Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas

Assuntos Relacionados


Informativo Misto Brasil

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo gratuito no seu e-mail, todas as semanas