Começa festival que surgiu como resistência da Bósnia

autor Misto Brasília

Postado em 12/08/2018 07:53:12 - 07:45:00


Nuri Bilge Ceylan, diretor de cinema turco, foi homenageado no Festival de Serajero/Divulgação

Diretor do filme que recebeu o Oscar também está presente no festival que vai de Viena a Istambul

“Guerra Fria”, do diretor polonês ganhador do Oscar Pawel Pawlikowski, abriu o 24º Festival de Cinema de Sarajevo, a maior competição de cinema da indústria na região que se estende de Viena a Istambul. Estão em exibição mais de 200 filmes.

Criado em 1995 como ato de revolta durante o fim do cerco de 43 meses de forças bósnio-sérvias a Sarajevo, o festival se tornou um símbolo da sobrevivência cultural da capital bósnia, atraindo milhares de pessoas todos os anos.

Pawlikowski, que levou o prêmio de melhor diretor no Festival de Cinema de Cannes pela história de amor “Guerra Fria”, não é o único ganhador do Oscar presente no evento, com o cineasta e roteirista iraniano Asghar Farhadit, dono de duas estatuetas, presidindo seu júri internacional.

Um estudo independente da consultoria britânica Olsberg SPI disse que o Festival de Cinema de Sarajevo rendeu US$ 30,8 milhões para a economia da cidade no ano passado.


AO VIVO Radio 247
AO VIVO Tropical House Radio
veja +
Coordenadora diz que grupo de trabalho não vai atrasar análise do pacote anticrime
Presidente da CCJ espera "melhora do cenário político"
Senado vai votar permissão para pais que estudam ficarem com filhos na sala de aula
veja +