Defesa de Lula recua sobre suspensão de pena

autor Misto Brasília

Postado em 06/08/2018 18:07:37 - 18:04:00


Estratégia no STF pode ajudar Lula com o registro eleitoral no TSE/Arquivo

Advogados do ex-presidente avaliam que estratégia é adequada para ganhar tempo na justiça eleitoral

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Edson Fachin, vai decidir sobre um pedido de desistência para o efeito suspensivo  da execução da pena do ex-presidente Lula da Silva (PT). O ex-presidente foi condenado a 12 anos e um mês pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região no caso tríplex. A suspensão teria impacto na liberdade e na inelegibilidade do petista.

O jornalista Márcio Falcão, do Jota, disse que o processo não deve mais ser levado a julgamento. Segundo três ministros do STF ouvidos reservadamente pelo site, uma questão processual pode prejudicar a manutenção do julgamento do pedido. Isso porque como a questão tem interesse apenas de uma pessoa, pode haver desistência, uma vez que a pessoa está abrindo mão de ver reconhecido o direito que pleiteava.

O recuo também favorece o ex-presidente Lula. Uma palavra final do Supremo neste momento sobre a inelegibilidade, em tese, encurtaria o caminho para o petista buscar na Justiça Eleitoral seu registro e conseguir ficar durante um período como candidato, ainda que sub judice, de acordo com Márcio Falcão.


AO VIVO Radio 247
AO VIVO Tropical House Radio
veja +
Coordenadora diz que grupo de trabalho não vai atrasar análise do pacote anticrime
Presidente da CCJ espera "melhora do cenário político"
Senado vai votar permissão para pais que estudam ficarem com filhos na sala de aula
veja +