Provas da CLDF mobilizam 100 mil inscritos em setembro

autor Misto Brasília

Postado em 02/08/2018 08:26:54 - 08:21:00


Número de inscritos no concurso da Câmara Legislativa se aproximou de 100 mil/Arquivo

Calendário de provas objetivas, discursivas e práticas termina em fevereiro do ano que vem

As provas do concurso público de acesso à Câmara Legislativa do Distrito Federal irão mobilizar 99.895 candidatos, segundo número revelado pela empresa organizadora, a Fundação Carlos Chagas. O número já era esperado diante da expectativa em torno do concurso que oferta 86 vagas para contratação imediata e cadastro de reserv. As provas serão realizadas daqui a 40 dias.

As provas objetivas e discursivas para procurador legislativo será aplicada no dia 15 de setembro. No dia 16 de setembro serão aplicadas as provas objetivas e discursivas para técnico legislativo, categorias: secretário e técnico de arquivo e biblioteca; fotógrafo, técnico de enfermagem e técnico de manutenção e operação de equipamento audiovisual.

As provas consultor legislativo – todas as áreas – serão aplicadas também no dia 16 de setembro. Para consultor técnico legislativo – todas as áreas – serão aplicadas no dia 23 de setembro.

No dia 23 de setembro, também na parte da manhã, fazem as provas os candidatos para técnico legislativo – categoria técnico legislativo.

Aplicação das provas práticas para os cargos de técnico legislativo – categorias fotógrafo e técnico de manutenção e operação de equipamento audiovisual serão realizadas no dia 8 de dezembro.

A aplicação da prova prática do concurso para o cargo de técnico legislativo – categoria técnico de enfermagem está prevista para o dia 9 de dezembro. Na mesma data ocorrem as provas práticas para os cargos de técnico legislativo – categorias secretário e técnico de arquivo e biblioteca. A prova prática para técnico legislativo – técnico Legislativo está prevista para o dia 10 de fevereiro do próximo ano.


Governador gaúcho diz que está comprometido com as reformas
Joana apela para projeto que prioriza atendimento contra o câncer no SUS
veja +
Deputados questionam propostas da Frente Parlamentar do Livre Mercado
Ibaneis diz que Brasília será um grande centro de distribuição para o Brasil
Senadores comentam crise no governo Bolsonaro
veja +