Servidores envolvidos na Carne Fraca são demitidos

autor Misto Brasília

Postado em 19/07/2018 21:11:54 - 21:06:00


Carne de gado preparada para ser vendida ao exterior/Arquivo!NFTAliance

Outro funcionário do Ministério da Agricultura foi suspenso das atividades por três meses

O ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) demitiu nesta quinta-feira (19) quatro servidores de Londrina (PR) envolvidos na Operação Carne Fraca. Outro funcionário, lotado na mesma unidade, foi suspenso das atividades por três meses. As sanções foram aplicadas em decorrência de processo administrativo disciplinar aberto pelo ministério para investigar as irregularidades.

Os três auditores-fiscais federais, um agente de inspeção sanitária e um agente administrativo foram investigados internamente pelo Mapa após terem sido alvos da primeira fase da operação. Eles atuavam na Unidade Técnica Regional de Londrina e já haviam sido afastados de suas funções em março do ano passado, dias após a deflagração da Carne Fraca.

Juarez José de Santana, Luiz Carlos Zanon Júnior, Sidiomar de Campos e Gércio Luiz Bonesi foram demitidos por violarem a legislação dos servidores que proíbe a utilização do cargo para obtenção de proveito pessoal, o recebimento de propinas e a atuação como intermediários de interesses privados junto a órgãos públicos. Além de punir os quatro por improbidade administrativa e corrupção, o ministério decidiu suspender por 90 dias o funcionário Luiz Alberto Patzer. (Da ABr)


AO VIVO - Câmara Legislativa do DF
Governador gaúcho diz que está comprometido com as reformas
veja +
Deputados questionam propostas da Frente Parlamentar do Livre Mercado
Ibaneis diz que Brasília será um grande centro de distribuição para o Brasil
Senadores comentam crise no governo Bolsonaro
veja +