Golpe com cargas pode ter provocado prejuízos de R$ 8,6 milhões

autor Misto Brasília

Postado em 17/07/2018 13:27:55 - 13:23:00


Operação da PF está sendo realizada simultaneamente em seis estados/Arquivo

Empresas envolvidas nos Estados de Alagoas, São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Ceará e Pernambuco

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira operação para desarticular organização criminosa especializada em roubo de cargas que contava com a participação dos próprios motoristas de caminhões, que causou prejuízo estimado em mais de R$ 8,6 milhões, informou a PF.

O grupo, investigado pela operação Transbordo (anunciada logo cedo pelo Misto Brasília logo cedo nas redes sociais) é suspeito dos crimes de furto e receptação de cargas e caminhões através de falsas comunicações de crimes de roubo, além de adulteração de veículos, golpes em seguradoras e outros delitos, disse a PF em comunicado.

Como parte da operação, foram expedidos 173 mandados judiciais, sendo 106 de busca e apreensão, 64 de prisão e três de interdição de empresas envolvidas nos Estados de Alagoas, São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Ceará e Pernambuco, segundo a Reuters.

Segundo a PF, a organização envolvia os próprios motoristas de caminhões que “simulavam terem sido sequestrados por assaltantes, enquanto outros integrantes realizavam a desativação dos dispositivos de segurança do caminhão e a subtração da carga”.


AO VIVO - Câmara Legislativa do DF
Tempestade provoca inundação em Brasília neste domingo
veja +
Governador do Piaui aposta na unificação de pautas entre os estados
Ibaneis anuncia 37 parques nos próximos anos na entrega do Lago Cortado
LDO prevê salário mínimo de R$ 1.040 em 2020, com correção apenas pela inflação
veja +