Borboletas e lobisomens conta a história da Guerrilha do Araguaia

autor Misto Brasília

Postado em 13/07/2018 20:00:19 - 19:53:00


Hugo Studart fez uma extensa pesquisa sobre a Guerrilha do Araguaia/Arquivo/Divulgação

Livro do jornalista e historiador Hugo Studart será lançado na próxima terça-feira em Brasília

O historiador Hugo Studart revela para nós o trabalho de nove anos de pesquisa na próxima terça-feira (17), com o lançamento do livro “Borboletas e lobisomens”, no Carpe Diem, às 18h30. O trabalho desvenda os segredos da Guerrilha do Araguaia, um dos episódios mais comentados, mas um dos mais obscuros.

Studart diz que acessou mais de 15 mil páginas de documentos secretos das Forças Armadas e as memórias de guerrilheiros sobreviventes, de militares e de camponeses. “Ao fim e ao cabo, emergiu uma trama construída com um rigor acadêmico raro, em narrativa com viés literário que prende a atenção do início ao fim”.

Hugo Studart é historiador, jornalista e professor. Seu trabalho de pesquisa histórica sobre o regime militar e a luta armada no Brasil é referência acadêmica. A tese de doutorado, "As memórias dos guerrilheiros do Araguaia" – que fundamenta o livro – ganhou o Prêmio UnB de Teses e foi finalista ao Prêmio Capes de melhor tese de História de 2014.


Temer diz em pronunciamento que torce pelo novo presidente
Governadores eleitos e reeleitos entregam carta a Bolsonaro
veja +
Universidades apoiam criação de fundo patrimonial, mas criticam trechos da MP 851
Comissão aprova isenção de IPVA a ex-proprietário de veículo
Excesso de peso em bagagens no transporte aéreo pode ter novas regras
veja +